Você está lendo sobre hibiscus

sobre hibiscus

  • sábado, 3 de janeiro de 2009
  • Wash.
  • primeiro de janeiro, 2009. um dia quente de verão, sentado à beira de uma piscina, bebendo cerveja e conversando com os amigos e me lembrei, não sei porque, de um outro dia quente de verão, mas em 1978 ou 79. Eu voltava da padaria com meu pai. Passavamos pela calçada ao lado de um pé de hibiscus - não sei como se chama essa flor vermelha que se vê nos cabelos das belas mulheres caribenhas pintadas por Gauguin - as conheço como hibiscus, enfim. Passei pelo pé de hibiscus e peguei uma bem grande e vermelha, aberta. Meu pai, na sua momentanea incompreensão, logo ralhou comigo: "joga essa flor fora, pô!! andar com flor é coisa de maricas!..." Me livrei imediatamente, no susto, quase como se a flor tivesse me dado um choque. Meio que inesperadamente nesse dia descobri essas diferenças básicas entre ser um homenzinho e ser um mariquinhas. E eu que só havia apanhado a flor era pra entregar à minha querida mãe...

    1 coffee junkies:

    1. Leão,Um Moleque disse...
    2. Eu conheço esse tipo de pai, o meu era lusobrasileiro, portanto imagine?!?!LM

      10 de janeiro de 2009 12:55