Você está lendo sobre o ato de ter um blog

sobre o ato de ter um blog

  • quinta-feira, 15 de abril de 2010
  • Wash.
  • esse post vai em solidariedade ao meu amigo Marcelo Mayer, um blogueiro esperto, esperto não por ser blogueiro porque isso não é parâmetro pra nada: esperto porque usa isso aqui da forma correta: pra passar o tempo com sagacidade! sim, as duas coisas ao mesmo tempo!, demonstrando que é possivel vida inteligente nessa tal de blogsfera. confesso que ele não é o único, existem sim alguns vários blogs interessantíssimos, dá pra citar aqui até uma meia dúzia de alguns conhecidos que eu sigo e que vale a pena mesmo, te traz algo consistente: exemplos são meus amigos do APES e do Desmanche de Celebridades, sempre na vanguarda da massa pensante; tem alguns bem úteis, como o pessoal do Hominis Canidae; tem utilidade cultural no Desova do meu amigo Sávio, ou os comentários ácidos do Menezes sobre vida banal no Rascunhos de um Cotidiano Tedioso; tem as versões digitais dos saudosos e subversivos zines nas páginas do Zinismo e Lado [R]... tá vendo? foi até mais que meia dúzia! o mundo ainda tem salvação, enfim.

    agora, só pra enfatizar a idéia geral, sendo objetivo e sem perder o foco porque já to com sono e está tarde: blogs podem ser bons passatempos, mas não vão salvar a vida de ninguém. o que eu quero dizer é mais ou menos isso:



    e sim, aproveitando o encejo, foda-se o meu também.

    3 coffee junkies:

    1. Ale Danyluk disse...
    2. Eu acho que o melhor de todos os blogs na verdade é o espaço que foi aberto e que cada dia mais está inserido em nosso cotidiano.
      Já o conteúdo, como ovcê mesmo disse, altamente variável.
      E você, irresistivelmente inteligente.

      Bjo
      Ale

      15 de abril de 2010 08:49
    3. Léo Santos disse...
    4. Tudo na vida tem prós e contras, bons e maus blogs, assim como times de futebol, mulheres, políticos - talvez haja algum bom -programas de tv etc. Vai do gosto meu querido!

      Um abraço!

      7 de maio de 2010 01:38
    5. Luna disse...
    6. engraçado, eu justifiquei o açúcar do meu blog um dia desses. eu vez ou outra falo sobre algo relevante, além de amores e coisas mimizentas cotidianas. será que não sou vida inteligente na madrugada? bom, não acredito que eu seja das piores blogueiras. penso eu que não, né!
      não sei qual seu critério pra um blog valer a pena, mas dos que tu citou, realmente são bons,e eu conhecia. enfim, vai do gosto de cada um né. o teu por ex. é bom.
      e ponto.

      beijo.

      31 de agosto de 2010 03:08